Água de quiabo: poderosa arma contra a diabetes

Conheça as vantagens da água de quiabo no tratamento da diabetes e na redução do colesterol ruim.

Enquanto uns adoram esse vegetal, outros optam por não o incluir em suas dietas, devido à sua textura peculiar. A consistência viscosa do quiabo chega mesmo a ser repugnante para algumas pessoas.

Porém, é precisamente essa viscosidade é uma fonte benéfica, ao conter inúmeras propriedades boas para o organismo. A lista é extensa. O quiabo faz bem para a visão, acalma a asma, estabiliza o colesterol, evita constipações, trata úlceras estomacais e ainda previne contra o câncer de cólon.

Quiabo, um remédio santo para controlar o colesterol
O quiabo é dos alimentos mais poderosos no combate ao diabetes. O grande trunfo é mesmo a baba, que reúne uma quantidade proveitosa de fibras. Essas fibras vão ajudar a reduzir os níveis de glicose na corrente sanguínea, através do intestino.

A força do quiabo é tanta, que no programa Caldeirão do Huck, da Rede Globo, foi entregue um prêmio no valor de R$30.000 a um grupo de estudantes que conseguiram comprovar que a água do quiabo ajuda a controlar o diabetes.


Já em 2011, um estudo publicado pelo Journal of Pharmacy and Bio-Allied Science defendia o quiabo como uma alternativa natural para o tratamento de diabetes. As análises laboratoriais confirmaram o impacto positivo do quiabo na redução da glicose no sangue.

Receita de Água de Quiabo
Ingredientes:

Quiabo: 4 unidades;
Água: 200ml.
Modo de preparo:

1. Remova as pontas e corte os quiabos a meio.

2. Coloque os quiabos em um copo com a água.

3. Tampe e deixe a demolhar durante a noite.

4. Coe, e a água de quiabo está pronta para beber.

Tome essa água ainda em jejum. Aguarde 30 minutos antes de ingerir qualquer outro líquido ou alimentos.

Leia Também:  Quando Você Souber Porque eu Bebo Suco de Batata Crua Vai Querer Beber Sempre...

Esse tratamento é para ser feito todos os diariamente, bebendo um copo de água de quiabo a cada 24 horas. Para comprovar os efeitos, verifique a sua taxa de glicose após uma semana de tratamento.

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. E para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

Comentários no Facebook